segunda-feira, 29 de março de 2010

Pequenas Poesias

Na energia de um forte abraço
suas lágrimas encharcam meu corpo
a febre que incendeia o inconsciente
som com sentimento
a noite ao pé da lua
soluços, sol, secura
lembretes e poemas
na flores que te fez me amar
o que resta é a solidão serena
e a falta que me condena
do amor que ainda vale a pena...

Um comentário:

  1. ...é inacreditavel como cada momento é tranformado em poesia...

    ResponderExcluir