segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Pequenas Poesias

Somos todos amantes
dos corpos suados e quentes
amores, encontros e despedidas
tragédias e contos de amor
coisas que é melhor nem saber
ilusões que aparecem nas cores
num surto da inocência perdida
e nos simples olhares parados
estamos todos nus aos olhos
dos nossos inimigos
suor e devaneios imperdoáveis
vidas sem rumo
todos seremos um...

Danilo Pinoti

4 comentários:

  1. Li alguns de seus poemas aqui. Gostei muito disso>>"encontro comigo agora
    e sinto que falta um pedaço
    do muito que já passou..."

    Abraços

    ResponderExcluir
  2. Adoro as sincronicidades do Universo...
    Nada poderia traduzir o sentimento do meu final de semana, como as composição poética que encontrei por essas bandas...
    Adicionado em meus favoritos no PC...e no coração...
    Parabéns pela deliciosa capacidade de traduzir-nos lapidando palavras...
    Alegria e Luz,
    Um abraço,
    Maria Fernanda!

    ResponderExcluir
  3. Danilo adorei seus poemas, tb escrevo...seus textos claros...parabéns
    Elsa

    ResponderExcluir
  4. Pinooooti querido, que isso ? QUE PROFUNDO *.*
    Parabéns por mais esse talento *-*
    beijos lindão.

    ResponderExcluir